Temporada 2019
maio
s t q q s s d
<maio>
segterquaquisexsábdom
29301 2 3 4 5
6 78 9 10 11 12
1314 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
272829303112
3456789
jan fev mar abr
mai jun jul ago
set out nov dez
  • Visita Monitorada
VIRADA CULTURAL E O ACESSO À REGIÃO DA SALA SÃO PAULO

Neste fim de semana, a Virada Cultural ocupará diversos pontos da cidade. Isso acabará afetando a circulação em algumas vias públicas próximas à Sala São Paulo, ainda que, em 2019, a Praça Júlio Prestes não faça parte do circuito. Para quem vem assistir aos concertos entre a noite de sexta e a tarde de domingo, vale a pena saber que:
- A Av. Duque de Caxias estará liberada;
- A Av. Rio Branco (sentido Centro) estará bloqueada entre a R. Helvetia e o Largo do Paissandu;
- A R. Mauá – desde a R. General Couto de Magalhães até R. Brigadeiro Tobias – e a Praça da Luz – entre o Viaduto General Couto de Magalhães e a Av. Tiradentes – terão desvios.

Veja o mapa com os acessos à região AQUI.

MÚSICA PARA OS OLHOS

Mozart, Beethoven, Tchaikovsky e companhia foram parar em telas – e não se trata de um retrato. Conheça o projeto Música para os Olhos, no qual arte e tecnologia se encontraram para transformar 12 clássicos do universo sinfônico em quadros. Marin Alsop, nossa Diretora Musical e Regente Titular, teve seus movimentos captados a partir de uma batuta tecnológica enquanto conduzia trechos de obras favoritas do público, como o Bolero, de Ravel, e O Danúbio Azul, de Johann Strauss Jr. Esses gestos, por sua vez, foram interpretados por um software e traduzidos em imagens.

 

 

A exposição Música para os Olhos pode ser vista (e ouvida) no Hall Principal da Sala São Paulo até o dia 8 de junho. Esperamos por você!

SALA (AINDA MAIS) ACESSÍVEL

A partir de março, a Visita Monitorada à Sala São Paulo também acontecerá com o recurso de audiodescrição. A cada mês, teremos duas datas para que pessoas com deficiência visual possam conhecer sobre a história do Complexo Cultural Júlio Prestes e da Sala São Paulo com informações descritivas e também através de experiências táteis. A primeira visita já tem data: 24 de março, domingo, das 13h30 às 15h30. Nesse mesmo dia teremos concerto Matinal da Osesp na Sala também com audiodescrição para pessoas com deficiência visual. O projeto foi desenvolvido em parceria com a Ver com Palavras, empresa especializada em audiodescrição.
 
Vagas: 15 pessoas por visita
Ingresso: gratuito e extensivo ao acompanhante
Duração: aproximadamente 2h
Agende sua visita através do e-mail marina@vercompalavras.com.br

Mais informações aqui.

SALA SÃO PAULO É SELECIONADA COMO UMA DAS MAIS BELAS SALAS DE CONCERTO DO MUNDO
A Sala São Paulo foi mencionada em uma lista da WQXR, rádio de Nova York especializada em música clássica, que elenca sete belas salas de concerto pelo mundo. A Sala figura ao lado de reconhecidos centros musicais, como a Philharmonie de Paris (França), o Tokyo Opera City Concert Hall (Japão) e a recém inaugurada ElbPhilharmonie (Hamburgo/Alemanha).
 
Em sua descrição, o site relembra a histórica apresentação da Sinfonia da Ressurreição, de Mahler, realizada pela Osesp em 1999, por ocasião da inauguração da sala de concertos.
 
Esta não é a primeira vez que a Sala São Paulo aparece em uma lista como essa. Em 2015, o The Guardian listou as 10 das melhores salas de concerto do mundo e a casa da Osesp também foi escolhida, ao lado de salas que são referência no universo da música sinfônica, como o Boston Symphony Hall (Estados Unidos), a Berlin Philharmonie (Alemanha) e o Musikverein (Viena/Áustria).
 
Confira a lista completa da Rádio WQXR aqui.
 
DOMINGO NA SALA SÃO PAULO

Que tal assistir a um concerto gratuito no domingo? Em quase todos, às 11h, a Osesp ou orquestras parceiras realizam concertos matinais gratuitos na Sala São Paulo. Os ingressos ficam disponíveis na bilheteria do 1º subsolo ou no site da Ingresso Rápido, a partir da segunda-feira anterior ao concerto. 

 
Contudo, além da música clássica, sabia que o prédio da Sala São Paulo abriga muita história? Você pode agendar uma visita monitorada agora mesmo e descobrir muita coisa que já aconteceu por aqui! Durante o passeio, nossos guias contam a  história do edifício que abrigou a antiga estação da Estrada de Ferro Sorocabana no período áureo do café e hoje é sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, além de abordarem  importância da Sala São Paulo como patrimônio histórico e marco da cidade; o processo de restauro e revitalização pelo qual passou no final da década de 90; e o projeto de construção da Sala São Paulo, sua acústica, estrutura e detalhes sobre o funcionamento da sala de concertos. Para não perder a viagem, agende ou confirme sua visita antecipadamente.

 
Saiba mais sobre as visitas monitoradas e confira nossa programação completa.